CENAS FORTES - Ataque com caminhão deixa pelo menos 73 mortos na França


Um ataque com caminhão na cidade de Nice, no sul da França, deixou pelo menos 73 mortos e mais de cem feridos nesta quinta-feira (14), de acordo com informações do jornal Le Figaro e o jornal local Nice Matin. Segundo o Ministério do Interior, o motorista, que também atirou contra a multidão, foi morto pela polícia.

O incidente aconteceu quando uma multidão comemorava o feriado do Dia da Bastilha.

O presidente da França, François Hollande, que estava em Avignon, já retornou a Paris para comandar as ações do gabinete de crise do governo, montado no Ministério do Interior, segundo informou a AFP. Da reunião com Hollande, participaram o primeiro-ministro Manuel Valls e o ministro do Interior, Bernard Cazeneuve.

A Casa Branca informou que o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, estava sendo atualizado com informações sobre o ocorrido. Há quase oito meses, militantes do Estado Islâmico mataram 130 pessoas em ataques coordenados em uma noite noite de sexta-feira em Paris.

Na hashtag #PortesOuvertesNice, moradores da cidade se colocaram como voluntários para acolher em suas casas pessoas que estão fugindo do local. Já o Facebook ativou o status de segurança para que os que estão na cidade confirmem que estão a salvo. Em poucos minutos, a hashtag #PrayForNice chegou ao primeiro lugar no trending topping mundial. Outra hashtag que estava entre as primeiras era a #jesuisnice.

O caminhão avançou sobre as pessoas que estavam no calçadão à beira-mar Promenade des Anglais, no centro da cidade francesa, de acordo com o Nice Matin, citando seu próprio repórter que estava no local. A polícia encontrou fuzis e explosivos no caminhão, segundo a BFM TV.

A rede francesa afirmou ainda que a prefeitura de Nice está tratando o incidente como um ataque e fez um apelo para que as pessoas fiquem em casa.

A razão do incidente ainda não foi esclarecida.

Segundo testemunhas, após o veículo avançar contra a multidão, seus passageiros abriram fogo contra as pessoas presentes, trocando tiros com forças policiais. Autoridades da Prefeitura pedem que os habitantes de Nice procurem refúgio e não deixem suas casas.



R7