Pâmela Bório revela que sofreu agressões e acredita em influência do Governo do Estado no TJPB


A ex-primeira dama da Paraíba e jornalista Pâmela Bório, prestou entrevista a imprensa da cidade de Sousa no sertão paraibano na manhã desta terça-feira (19).

Entre várias declarações reveladoras e polemicas, a ex-primeira dama chegou a confirmar que sofreu várias agressões praticadas por pessoas autorizadas pelo seu ex-esposo, o governador da Paraíba Ricardo Coutinho (PSB).

De acordo com Pâmela, pessoas ligadas ao governador a agrediram fisicamente com aval de Ricardo e na frente do filho do casal. “Foram agressões que eu sofri por pessoas a mando do governador Ricardo Coutinho, dentro da minha própria casa e na frente do nosso filho” disse a jornalista e ex-primeira dama.

Além das revelações sobre possíveis práticas de agressão contra a sua pessoa, Pâmela Bório ainda falou sobre outros temas também polêmicos, como por exemplo, o fato de existir uma possível influência do governo do estado junto ao Tribunal de Justiça da Paraíba “Eu tenho muitos indícios para ter certeza disso, desde nomeações até irregularidades ou tramites atípicos ocorrendo dentro do judiciário”.

A jornalista vem sendo proibida pela justiça de comentar nas redes sociais casos como o do “Jampa Digital”, que envolvem denuncias de quando o seu ex-esposo, Ricardo Coutinho era prefeito da capital João Pessoa.

A entrevista foi prestada ao programa Cidade Noticia através da Rádio Líder FM de Sousa que tem a condução dos radialistas Levi Dantas, Leonardo Alves e Marcelo Gomes.

Portal Sousa