Privilégio: Alceu valença comemora em Afogados seus 70 anos

 
Os 70 anos dealceu são destaque na imprensa nacional. Afogados terá privilégio de receber artista na data
Os 70 anos dealceu são destaque na imprensa nacional. Afogados terá privilégio de receber artista na data
Como a cidade,  genial artista aniversariou, 1 de julho
Alceu Valença completa  70 anos e começou a comemoração no show que apresentou ontem na Expoagro, em Afogados da Ingazeira. Hoje Alceu já tem show na Fundição Progresso, no Rio. Segundo o colunista Ancelmo Gois, na capa do novo DVD (“Vivo! Revivo!”, pela Deck), que sai em setembro, Alceu veste a roupa que usou em um show em 1976.
“Me cuido muito, caminho todos os dias, não fumo, nem bebo, mantenho uma alimentação equilibrada e alcalina. Esta roupa coube perfeitamente, nem um quilo a mais. Já combinei com Deus que vou viver até os 140 anos, sempre em cima do palco. Pode apostar”, disse.
Nascido em São Bento do Una, o “bicho maluco beleza” logo se firmou como um dos maiores artistas pernambucanos dos últimos, com sucessos que caíram na boca do povo como Tropicana, Cavalo de pau e Anunciação. Para o aniversário, Alceu terá um ano cheio, marcado não só pela estreia em circuito comercial de seu longa-metragem A luneta do tempo, como também pelo lançamento de ao menos seis novos discos, só neste ano.
A lista começa com a trilha sonora de A luneta do tempo, assinada por Alceu e que será lançada em CD. O filme conquistou os prêmios de melhor trilha musical e melhor direção de arte no Festival de Cinema de Gramado e sua produção se estendeu durante 15 anos. Segundo Alceu, a inspiração para o longa veio das lendas construídas em torno dos cangaceiros e de seu líder Lampião, repassadas a ele durante a infância em São Bento do Una.