As primeiras do dia

Tião Lucena


O professor Romulo Polari, ex-reitor da UFPB e ex-secretário de Planejamento da Prefeitura de João Pessoa na gestão Cartaxo, foi ouvido pelo Ministério Público Federal sobre aquele rumoroso caso do sumiço dos 10 milhões de reais do túnel da Lagoa.

O ex disse que não teve nada a ver com aquilo.Que como secretário, seu trabalho foi o de fazer o projeto, mas a execução da obra ficou a cargo da Seinfra.Mas falou que no projeto o túnel era para ser feito com cimento e que não sabe os motivos pelos quais o cimento foi substituído.
**
Como não teve nada a ver com a coisa, o ex-secretário não falou sobre aquele misterioso fenômeno dos peixes vertidos pelo asfalto em tempos de invernada.
**
Manoel Júnior vai fazer uma pausa na campanha pela vice prefeitura da Capital, na condição de companheiro de chapa do prefeito Cartaxo, para ir a Brasília depor em favor do seu amigo/pai adotivo Eduardo Cunha.

O deputado, ameaçado de cassação por corrupção, arrolou o bravo paraibano como sua testemunha de defesa.
**
O interino Temer confessou com a maior cara de pau que pediu e recebeu dinheiro da Odebrecht, mas, segundo ele, isso se deu por pressão do PMDB.E eu indago: qual a moral desses felas da poita para cassar Dilma Roussef?
**
Um bando de cínicos dando um golpe de estado debaixo de um discurso demagogo, mentiroso, falso e desavergonhado.
**
O governador Ricardo Coutinho disse que essa aliança envolvendo Cássio, Cartaxo e Maranhão não passa de desespero.
**
Expediente contendo 88 páginas apontando possíveis indícios de casos de abuso sexual, envolvendo adolescentes, praticado por clérigos da Igreja Católica no Estado da Paraíba, foi encaminhado no final da tarde desta segunda-feira (15) pelo procurador-geral de Justiça do Ministério Público da Paraíba (MPPB), Bertrand de Araújo Asfora, ao coordenador das Promotorias Criminais em João Pessoa, promotor de Justiça José Guilherme Soares Lemos.
As denúncias a serem apuradas no âmbito das Promotorias Criminais da Capital foram encaminhadas ao Ministério Público pela Corregedoria da Polícia Federal (PF).
**
Viuge!
**
Esse negócio de padre comer gente sem carecer cozinhar vem dos tempos de antanho.
Lá em Princesa, finado Frei Cirilo plantou muita semente em buchos insuspeitos.
Teve uma vez que um colega perguntou pra ele: “Você tirou a batina pra fazer isso?

E Frei Cirilo: -Precisou não.Levantei ela e segurei com os dentes”.