EM PRINCESA ISABEL; Farinha de mandioca em Princesa Isabel é alimento, renda e festa

???????????????????????????????Nunca se pensou que a produção artesanal de farinha de mandioca pudesse gerar emprego, renda, ser destaque cultural, tema de estudos e ainda tornar-se o produto ícone de uma cidade, inclusive com direito a uma festa temática em torno da farinha de mandioca.
No Povoado de Lagoa de São João, zona rural de Princesa Isabel a cultura da mandioca se transformou numa atividade produtiva essencial para a sobrevivência dos pequenos produtores rurais, que depende desta atividade para dinamizar a agricultura familiar, base sócio-econômica da região. Lá existe a Associação de produtores de mandioca.???????????????????????????????A comunidade se organizou coletivamente para fortalecer e dar mais estabilidade à produção e comercialização da farinha, hoje conhecida no Sertão da Paraíba. Com a produção e geração de renda, foi criada a Festa da Mandioca, exposta através de feira com a demonstração de produtos derivados da mandioca, entre eles: farinha, beiju, tapioca, bolos, sequilhos, raminho, coxinhas feitas com massa de mandioca, sorvete de mandioca.???????????????????????????????A Festa é realizada todos os anos no mês de setembro e tem o objetivo de fomentar a produção de farinha e derivados da mandioca como fonte de renda permanente e produção sustentável, mostrar a boa unidade de beneficiamento da produção instalada na Lagoa de São João e tentar expandir os canais de comercialização para aumentar as vendas, possibilitando aos visitantes conhecer, provar, dançar e cantar o sertão paraibano.(Por Itamar França )