EM SOLIDÃO O DILEMA CONTINUA: PROFESSORES COBRAM O PAGAMENTO DE SEUS SALÁRIOS E PARALISAM AS ATIVIDADES NESTA SEXTA-FEIRA

Marcelo Carvalho
Resultado de imagem para solidao pe
Mais uma vez os professores da rede municipal de Solidão cobram salários atrasados. É que desta vez, quem fica sem receber o mês de Julho são os professores de 1° ao 5° ano. Mesmo com uma Petição Pública assinada pelos funcionários e enviada à Prefeitura, Câmara de Vereadores e outras repartições cobrando o pagamento até dia 11 de agosto, bem como apresentando outras reivindicações, à gestão municipal repassou o salário de julho apenas para as contas dos professores de Educação Infantil, 6° ao 9° ano e 40%, deixando os demais para a próxima entrada dos recursos do FUNDEB. Assim, em forma de protesto, os professores cruzam os braços nesta sexta-feira, dia 12/08. Apenas os professores efetivos das escolas que tinham programação de comemorações do Dia do Estudante e Dia dos Pais irão até a escola em respeito aos que dependem dos seus serviços docentes.
A pergunta é sempre a mesma: Que critério a secretária de educação junto com a prefeita usam para deixar alguma categoria de fora? Em solidariedade, das cinco escolas em funcionamento, três delas decretam paralisação de suas atividades docentes.
blog do Veras