Grupo é preso em flagrante no Agreste da PB com farto material usado para explosões a banco


Cinco homens foram presos, em flagrante, e quatro adolescentes foram apreendidas com armas de fogo, munições e explosivos, na madrugada deste domingo (31), em Campina Grande, no Agreste paraibano. O grupo é suspeito de atuar em explosões contra caixas eletrônicos em bancos da Paraíba, Rio Grande do Norte e Pernambuco. A prisão ocorreu uma operação integrada nentre as polícias Federal, Civil e Militar da Paraíba.

De acordo com a Polícia Militar, o flagrante aconteceu no bairro Malvinas, na zona oeste da cidade.

Com eles foram encontradas duas armas de fogo e cerca de 50 munições de pistola, além de componentes químicos usados para a fabricação de explosivos usados para arrombar caixas eletrônicos.

Segundo a investigação, o grupo, que tinha como base uma casa no bairro das Malvinas, em Campina Grande, atuava nos estados de Pernambuco, Rio Grande do Norte e em cidades do Agreste, Brejo e Curimataú paraibano.

Depois do flagrante, o grupo foi encaminhado para Central de Polícia Civil, no bairro do Catolé Campina Grande, junto ao material apreendido. Entre os presos estão cinco homens. Também foram apreendidas quatro adolescentes de 13, 14, 16 e 17 anos.


G1comPrimeirasNotícias