PM é desarmada e sai ferida ao tentar conter suposto surto em clínica da Paraíba


Um homem de 49 anos foi preso, na manhã desta quarta-feira (10), suspeito de ter um surto em uma clínica odontológica no Centro de Campina Grande e desarmar uma policial militar. A polícia investiga se ele teria problemas mentais.
De acordo com a Polícia Militar, o homem aguardava atendimento na clínica quando começou a quebrar tudo que havia no local. Um odontólogo tentou contê-lo, mas não conseguiu. A policial militar que também aguardava atendimento na clínica junto com a filha tentou intervir, mas foi desarmada e saiu ferida ao entrar em luta corporal com o suspeito.
A polícia foi acionada e quando chegou à clínica, ouviu um tiro e viu o suspeito correndo para uma loja de informática. A PM constatou que a policial estava ferida, mas não pelo disparo. O tiro não atingiu ninguém.
Ainda conforme a PM, o suspeito se escondeu no banheiro da loja de informática, onde acabou sendo rendido e preso pelas equipes da Força Tática da Polícia Militar.
Ele foi levado para o Distrito Integrado de Segurança Pública (Disp), em Campina, onde prestou depoimento. Advogado e parentes dele já estavam no local.

Fonte Portal