As primeiras do dia

Tião Lucena


O deputado João Henriques passou quatro anos acusando o governador Ricardo Coutinho de virar as costas para Monteiro, entretanto, bastou o governador ir a Monteiro autorizar a construção do campus universitário da UEPB na cidade para o deputado distribuir, nas redes sociais, um cartaz com a foto dele e os dizeres: “Uma conquista do deputado João Henriques”.

O deputado é de Monteiro, todo mundo sabe, tem a mulher como prefeita e se esforça para eleger a futura nora como sucessora da esposa. Tudo isso é legítimo. Mas ele não precisa chegar a tanto. Seu ato é o de chamar o monteirense de idiota, de desinformado e de manipulado.
**
E o nosso Aguinaldinho volta às manchetes, desta vez como beneficiário de atos do ministro da saúde, do seu partido, que estaria orientando os laboratórios a dirigirem seus pleitos ao Ministério através do bravo representante da família Ribeiro.

Certamente,achou pouco a Lava Jato.
**
Ao chamar Ricardo Coutinho de Ricardo Cunha Lima, Cida Ramos externou o escondido sonho do senador Cássio de ser, quando crescer, um Ricardo Coutinho.

Sonhar é bom. Até pra ganhar no jogo do bicho sonho serve.
**
Não sei porque não acredito em promessas de político em campanha. Elas são velhas conhecidas, de tão repetidas.

Eles deveriam prometer diferente, como, por exemplo, encher os quibas de dinheiro e arrumar um lote de quengas quando fossem eleitos.
**
E já tem data marcada para lançamento o livro de memórias de Eduardo Cunha: o Natal.

O bicho é maivado até nisso. Lançar essa bomba como presente de Papai Noel é de lascar o cano.
**
Funcionários da Prefeitura de Princesa anunciam nova greve por causa dos salários atrasados. Cinco meses sem receber, entrando no sexto e o prefeito dizendo que está tudo às mil maravilhas.

Deve ser por isso que o candidato dele tem evitado ficar ao seu lado durante as concentrações públicas.
**
O prefeito de São José da Lagoa Tapada, Evilásio Formiga Neto, ajudado por um tio e por um capanga, invadiu a casa de um adversário conhecido por Nego João, deu-lhe uma pisa e ainda chutou na sua cabeça quando a vítima estava desacordada.

Até agora o prefeito e seus cumplices estão soltos.
**
Se a moda pegar...
**
Se fosse o contrário, Nego João já estaria no Roger.