Comandante dos Bombeiros diz que incêndio no Pico do Jabre continua incontrolável

Em contato com o site folhapatoense.com o tenente-coronel Saulo Laurentino, comandante do 4° Batalhão de Bombeiro Militar, disse que o incêndio no Pico do Jabre começou nas primeiras horas da tarde de ontem (sexta-feira, 16) e rapidamente tomou uma proporção muito grande. “Nós fomos acionados, demos a pronta resposta, que era o efetivo disponível pra esse tipo de situação, tendo em vista que combates assim em incêndio florestal é preciso mobilizar muita gente, principalmente o pessoal de folga, porque é importante também que a cidade não fique desguarnecida. O tenente Dawys  está à frente da operação e nós estamos aguardando ele retornar para termos uma ideia mais precisa da situação”, disse o comandante.
Incêndio no Jabre
O comandante informou que o combate foi interrompido na parte da noite por questões de segurança, pois o fogo continua incontrolável, e às cinco horas da manhã foi reiniciado. “Hoje estamos trabalhando juntamente com alguns voluntários da Prefeitura de Matureia. Serão 22 bombeiros e mais 22 pessoas da comunidade. Levaremos abafadores, mochilas costais, viaturas, e outros equipamentos para que os esforços continuem no sentido de controlar o fogo”, disse.
O comandante informou que não se sabe ainda a causa do incêndio e que uma perícia será realizada. Também não existe ainda uma estimativa do tamanho da área atingida. “É uma região entre serras e nós não tivemos ainda a capacidade de visualizar a área queimada na sua totalidade”, enfatizou.
Segundo o tenente-coronel a preocupação inicial para o combate de hoje foi tentar impedir que o fogo chegasse às antenas de comunicação e os bombeiros tiveram muita dificuldade de chegar até o fogo, tendo em vista que é um local sem estradas, sem trilhas. Os bombeiros estão tendo dificuldades até de chegar às áreas queimadas.
HOJE os trabalhos estão sendo executados.
Wandecy Medeiros – folhapatoense.com