Deputado diz que Temer conseguiu transformar o G20 em G19




 
O deputado estadual Anísio Maia (PT) comentou na manhã desta terça-feira,6, a participação do presidente Michel Temer na última reunião do G20, em Hangzhou na China. "Dos 20 representantes presentes,  Michel Temer foi a única autoridade que não teve nem o nome e nem o cargo registrado em ata. Fala-se apenas na presença de um líder brasileiro. Mas, na verdade, é o líder dos golpistas".  
 
"É uma pena que este feriado da Independência seja celebrado em um momento no qual o Brasil perde importância no cenário internacional, por conta de um governo ilegítimo. Michel Temer é um Chefe de Estado minúsculo e, por não ter legitimidade nenhuma perante a Comunidade Internacional, apequena o nosso país e envergonha o nosso povo", afirmou Anísio Maia. 
 
Anísio Maia comparou a presença do Brasil no G20, tendo a frente Michel Temer, com as Reuniões anteriores, nos governos dos presidentes Lula e Dilma. "Basta analisar as fotos e as agendas oficiais dos outros Encontros. O Brasil, durante os governos do PT, era respeitado, tinha uma política externa altiva, favorecia a integração regional e era influente na construção de decisões e acordos multilaterais".
 
"Michel Temer literalmente ficou escanteado na foto oficial do Encontro. Não recebeu atenção de nenhum grande líder mundial. Seu único feito foi conseguir transformar o G20 em G19. É o presidente ideal para o complexo de vira latas dos golpistas brasileiros", concluiu Anísio Maia.