METADE DOS BRASILEIROS COMPRA PRODUTOS PIRATAS.

Quando se exige ética dos políticos, uma pesquisa revela que metade da população que os elege admite a compra regular de produtos ilegais ou pirateados.
Os dados são de uma pesquisa do Datafolha encomendada pelo Etco (Instituto Brasileiro de Ética Concorrencial) e que será divulgada nesta quarta-feira (14), mas que antes teve seus destaques adiantados pelo colunista Cláudio Humberto, do Metro Jornal.