Vice-prefeito de Tavares é ameaçado de morte

A imagem pode conter: 1 pessoa 
Não bastasse os reprováveis episódios já acontecidos em Tavares, no Sertão da Paraíba, desde o início da campanha política de 2016, mais um triste fato ocorreu no dia de ontem (25) envolvendo o médico e candidato à reeleição, vice-prefeito Hermógenes Feitosa (PSB), quando o mesmo foi ameaçado de morte durante visita política feita ao sítio Domingos Ferreira, na zona rural do município.
De acordo com informações, Dr. Hermógenes se encontrava na residência do casal Edite e João de Bada, naquela comunidade, juntamente com alguns amigos que na ocasião o acompanhavam, quando um grupo de aproximadamente dez motoqueiros liderados por um indivíduo conhecido por Fernando Pereira Alexandre, residente em Tavares, começou a passar em frente da casa fazendo provocações e lhe dirigindo palavras ameaçadoras, desrespeitosas e de baixo calão.
Como se não bastasse, o tal de Fernando teria dito ainda para que todos os presentes ouvissem que iria "pegar o Dr. Hermógenes quando o encontrasse sozinho e iria atirar na cara dele", tendo em seguida se retirado do local após os apelos de algumas pessoas.  
Procurado pela redação do blog Juru em Destaque, o vice-prefeito Dr. Hermógenes confirmou o acontecido e disse que já havia tomado as providências legais perante à Delegacia de Polícia Civil em Princesa Isabel, no sentido de 
assegurar a sua integridade física e moral, assim como a de todos os seus familiares, e também para que o autor das ameaças seja punido em conformidade à lei.
São fatos dessa natureza que eleitores e simpatizantes da candidatura à reeleição do prefeito de Tavares não gostam quando os mesmos são publicados pelo blog, como se o simples fato de noticiar esses tipos de ocorrência significasse torcer a favor ou contra qualquer candidato.
Muito pelo contrário, o blog cumpre apenas o seu dever de manter seus leitores bem informados, inclusive - e infelizmente - de fatos desse tipo de postura em que determinados eleitores, no intuito de ajudar os seus candidatos, excedem-se em atitudes irresponsáveis com ameaças à vida de cidadãos de bem como o médico Hermógenes Feitosa que se dedicou aos estudos para salvar vidas fazendo o bem a todos que dos seus cuidados precisarem.
Outrossim, apesar dos acontecimentos negativos envolvendo o próprio prefeito contra seus adversários, mas que percebe-se que ele sabiamente reconheceu que errou, não se pode atribuir a ele ou a algum outro candidato da sua coligação a responsabilidade pela ameaça de ontem ao vice-prefeito Hermógenes Feitosa.
De igual modo, não se pode deixar passar desapercebido fatos desse tipo, cujo gesto a sociedade repudia e reprova, uma vez que os mesmos somente diminuem a beleza da grande festa da democracia quando se dá ao povo a oportunidade de escolher seus legítimos representantes.